Saiba quais a habilidades necessárias para se tornar um profissional financeiro 4.0 e ter sucesso na era da automação.

A indústria 4.0 vem introduzindo profundas mudanças no cenário atual. Como tal, surge a necessidade de que os colaboradores, em todos os níveis e setores, adequem seus perfis a esse novo mercado, onde o uso massivo de tecnologia e automação é uma realidade. Mas, afinal, quais as exigências aplicáveis ao setor de finanças? Como se tornar um profissional financeiro 4.0?

O processo da revolução digital, ironicamente, está abrindo a oportunidade de mais habilidades humanas. Continue a leitura para saber quais!

Esteja preparado para lidar com mudanças

A velocidade do surgimento de novas ferramentas tecnológicas é muito alta. Assim, a transformação digital não é um projeto com início, meio e fim. Trata-se de um processo contínuo, em que novas tecnologias são incorporadas às empresas frequentemente, à medida em que vão surgindo e demonstrando agregar valor ao negócio.

Ou seja, a mudança faz parte do DNA de uma empresa 4.0. Logo, o profissional financeiro 4.0 precisa estar preparado para lidar com esse cenário. Inclusive, ele próprio deve estar atento às novas tecnologias e entender como elas podem trazer vantagens competitivas para o negócio.

Assim, mais do que estar preparado para mudanças, o profissional financeiro 4.0 deve ser um agente que a introduz nas organizações.

Seja criativo

Mais do que nunca, os profissionais da área financeira precisam usar uma variedade de atributos para pensar de maneira criativa e inovadora sobre seus desafios comerciais mais imediatos. O CFO de sucesso no futuro vai passar para uma função mais integrada, avaliando o desempenho e o valor ao lado das métricas tradicionais.

Esteja sempre atento às possibilidades de melhoria e esteja atento às novas tecnologia. Busque ferramentas que sejam capazes de dar mais agilidade aos processos e não tenha medo de remodelar fluxos de trabalho a fim de obter maior eficiência.

Tenha a automação como uma aliada

Reserva Financeira

Muitas pessoas ainda têm medo que a automação e as máquinas inteligentes roubem seus trabalhos. De fato, esse processo tende a reduzir a necessidade de trabalho manual, no entanto, o poder de análise e decisão ainda será realizado por humanos.

Assim, o profissional financeiro 4.0 precisa começar a ver a tecnologia como uma aliada e não como uma rival. Com o uso de ferramentas inteligentes, é possível automatizar tarefas manuais, que não agregam valor à empresa, e passar a se concentrar em atividades estratégicas e mais importantes.
Nesse sentido, a tecnologia é capaz de fornecer insights valiosos capazes de fazer as empresas aumentarem sua competitividade e reduzirem seus custos.

Atualmente, as estratégias mais eficientes têm se dado a partir da análise de dados e mais dados. Adotar esses procedimentos sem o uso massivo de tecnologia é humanamente impossível.

Dessa forma, o profissional financeiro 4.0 deve ter um perfil mais analítico e menos operacional. Além disso, ele deve ser capaz de utilizar as ferramentas tecnológicas para resolver problemas e melhorar a sua produtividade.

Saiba conciliar maior independência e trabalho colaborativo

Uma das tendências no mercado de trabalho é uma maior horizontalização das estruturas organizacionais. Na prática, isso significa uma redução das hierarquias e maior independência dos profissionais.

Por outro lado, a tecnologia surge como um grande facilitador dos trabalhos colaborativos. O uso de plataformas integradas permite que diferentes pessoas executem diversas atividades em documentos e arquivos ao mesmo momento.

Isso agrega maior agilidade ao processos e permite que cada colaborador execute sua especialidade o que, em tese, implica em resultados melhores.

Dessa forma, espera-se que o profissional financeiro 4.0 tenha maior autonomia quanto à execução de suas tarefas diárias e, ao mesmo tempo, esteja preparado para executá-las de forma colaborativa. Assim, é necessário que haja comprometimento e responsabilidade de cada pessoa envolvida nos processos, pois um resultado final positivo irá depender do bom desempenho de cada um.

Demonstre ser um profissional financeiro 4.0

Não basta adotar ter todas as habilidades descritas anteriormente se você não demonstrá-las. O profissional financeiro 4.0, ao contrário do que possam imaginar, deve ser muito mais sociável e ter maior inteligência emocional.

É preciso sair de trás da mesa e construir relações de confiança com os demais colaboradores para que, juntos, possam entender e analisar os seus desafios enfrentados por todos os setores da empresa. Assim, é possível fornecer proativamente soluções conjuntas a fim de ter uma maior integração e, consequentemente, ajudar a empresa a obter melhores resultados.

Agora você já sabe com ser um profissional financeiro 4.0 de sucesso! Se você gostou deste post, então também irá gostar de descobrir como a indústria 4.0 pode ajudar o Brasil a economizar R$ 73 bilhões ao ano.

Ficou alguma dúvida? Entre em contato com nossa equipe.

Fale conosco